Surveillant Society 1

Devin Coldewey

Um dos aspectos da Revolta Egípcia que foi aplaudida por uma selvagem unanimidade da mídia social é algo que tem estado quieto mas com força mudando as normas sociais na última década. É simplesmente a inclusão, em quase todos os celulares vendidos, de uma câmera digital. Quando 90% da população ativa pode, a qualquer tempo, gravar um evento no qual se é testemunha, e pode-se transmiti-lo para o resto do mundo instantaneamente, muitas regras começam a mudar.

Isso não é novo, com certeza: “jornalismo cidadão” tem uma longa história antes dos celulares prevalecerem, e a tendência crescente do estilo “você é o repórter” ou coisas como Twitter fluindo em reportagens ao vivo são tão comuns quanto lentes em seu telefone. E enquanto eu ridicularizo frequentemente a qualidade das câmeras em celulares, a verdade é que melhorias têm sido feitas transformando aquelas câmeras de meras brincadeiras a dispositivos para verdadeiros documentários.

A razão por eu ter trazido esta questão hoje é devido a um vídeo que eu assisti há algumas semanas atrás que documenta o comportamento agressivo de alguns policiais novaiorquinos. Você talvez já tenha visto. Já teve aproximadamente 400 mil acessos. Não que este incidente particular seja de particular interesse (em comparação com as barbaridades perpetradas inúmeras vezes cada dia em todo mundo), mas sua trajetória (essencialmente viral) é simbólica. E, sobretudo, a qualidade de vídeo é boa o suficiente para provar identidades em tribunal, e em dúvida, muito difícil de falsificar. Há alguns anos atrás este nível de definição só estaria disponível em uma filmadora de milhares de dólares. Hoje essa definição encontra-se em celulares que estão sendo dados, literalmente. Malcolm Gladwell pode estar fora de moda, mas, no entanto, isto tem todas as aparências de ser um daqueles pontos de virada.

Continua…

O texto original em inglês encontra-se no blog TechCrunch:

http://techcrunch.com/2011/06/17/surveillant-society/

Anúncios

Sobre cbaqueiro

Graduado em História e Jornalismo.
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Surveillant Society 1

  1. cbaqueiro disse:

    3000 ACESSOS ESSA NOITE… É UMA MASSAGEADA LEGAL NO EGO DO BLOGUEIRO…

  2. Tony Pacheco disse:

    Totalmente excelente.

    Tony Pacheco

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s